Você conhece a boneca Momo?

0

A boneca ensina como a criança pode se ferir, dando dicas e mostrando imagens, buscando envolvê-la

Momo é uma boneca que está assustando pais e educadores, e já despertou a atenção das autoridades, pois pode colocar em risco a vida de crianças e adolescentes. Trata-se se de uma boneca assustadora que supostamente estaria aparecendo em vídeos no canal Youtube Kids, mas os relatos apontam que o maior propagador destes vídeos e fotos, hoje, seria o Whatsapp.

O Whatsapp ainda não tem o controle dos vídeos e fotos que são enviados pela sua plataforma. Assim, muitas crianças utilizam o aplicativo sem controle, mesmo que seja exigida idade mínima de 13 anos. Na prática, entretanto, não é o que acontece.

Basicamente, a boneca Momo, que estaria infiltrada em vídeos e fotos, traz desafios envolvendo suicídio ou tentativa de suicídio. A boneca ensina como a criança pode se ferir, dando dicas e mostrando imagens, buscando envolvê-la de forma que ela não possa contar para os pais, sempre a instigando a dar o próximo passo no desafio que pode levar a morte.

Já tivemos, no passado, o caso da “Baleia Azul”, que estimulava a automutilação e comportamentos suicidas, mas no caso da boneca Momo, há um desafio para que as vítimas se enforquem ficando o maior tempo que conseguirem sem respirar.

As crianças, cada vez, mais dominam as tecnologias, mas não possuem maturidade para avaliar os perigos da internet. A Polícia Civil pede que os pais prestem muita atenção nas programações que os filhos estão assistindo na televisão e na internet, bem como com a utilização de smartphones e tablets. Atentem principalmente para os aplicativos de mensagens instantâneas, onde existe um grande trafego de vídeos e fotos.

Já existe no Brasil um caso de suicídio que supostamente teria envolvimento com a boneca Momo. No Rio Grande do Sul, a Polícia Civil possui a Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCI), mas informa que, até o presente momento, não existe nenhum caso registrado no Rio Grande do Sul referente ao caso da boneca Momo.

A Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos está localizada em Porto Alegre na Avenida das Indústrias, 915 – Bairro São João. Por fim, a Polícia Civil faz um importante alerta: a melhor solução para o caso, sem dúvida, é a vigilância e supervisão dos pais sobre o conteúdo acessado pelos seus filhos com o uso da internet. 

Identificando qualquer vídeo sobre o assunto, DENUNCIE.

Números para denúncia
181 Disque Denuncia
197 Plantão de Emergências
Whatsapp/Telegram 51 98418 7814

A Polícia Civil está pronta para servir e proteger.

Texto: Taís Haussen/Polícia Civil


Compartilhar

Deixe uma resposta