PRF Sarandi divulga resultados da Operação Independência

0

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou neste domingo (09) a Operação Independência, que iniciou na quinta-feira (06). Durante os quatro dias, policiais rodoviários federais reforçaram a fiscalização nos trechos com maiores índices de acidentes, com atenção especial àquelas infrações que causam o maior número de vítimas no trânsito: embriaguez ao volante, excesso de velocidade e ultrapassagem indevida.

A operação contou com ações de educação para o trânsito, através de palestras dirigidas a condutores e passageiros que transitavam pelas rodovias federais, com objetivo de conscientização e prevenção de acidentes. Também foram realizadas ações operacionais direcionadas para o enfrentamento à criminalidade.

Fiscalização 

Foram fiscalizados 1.050 veículos, abordadas 1.257 pessoas e realizados 600 testes de etilômetro para verificação de consumo de bebida alcóolica pelos condutores. Os radares estiveram em operação por mais de 21 horas durante o feriadão. Mais de 500 usuários da rodovia foram sensibilizados em palestras educativas, incluindo o Cinema Rodoviário, onde os motoristas e passageiros são fiscalizados e convidados a assistir vídeos educativos.

Acidentes 

Nas rodovias atendidas pelas unidades da PRF em Sarandi, Passo Fundo, Seberi, Erechim e Lagoa Vermelha, foram registrados 7 acidentes de trânsito, em que se envolveram 17 pessoas. Não foi registrado nenhum acidente com morte e 7 pessoas ficaram feridas.

Imprudência 

Apesar das campanhas educativas e do esforço concentrado de fiscalização durante o período da operação, com ampla divulgação nos órgãos de imprensa e mídias sociais, as equipes da PRF flagraram diversas imprudências nas rodovias da região.
Foram flagrados 136 motoristas ultrapassando em local proibido, infração que é causa principal dos acidentes mais letais ocorridos nas rodovias: as colisões frontais. O valor da multa por ultrapassagem é de R$ 1.467,35.

Quarenta motoristas foram flagrados por infração relacionada ao consumo de álcool. Cada um deles foi multado no valor de R$ 2.934,70 e terá a CNH suspensa pelo período de um ano. Ainda, dois deles estavam acima do limite previsto para o crime de embriaguez e foram presos. Além da multa e da suspensão da CNH, eles responderão na justiça e a pena prevista para esse caso é de seis meses a três anos de detenção.

Os radares da PRF flagraram 180 condutores transitando em velocidade superior à permitida. O valor das multas varia de acordo com o excesso de velocidade verificado, sendo que a menor infração corresponde a R$ 130,16 e a maior a R$ 880,41.

Criminalidade 

Na tarde de quinta-feira (06), os policiais abordaram um veículo Toyota Corolla na BR 285 em Passo Fundo. Um dos passageiros entregou um documento e fugiu do local enquanto os policiais consultavam o sistema. Depois de efetuar buscas, o fugitivo foi encontrado em um bar próximo à Estação Rodoviária. Foi constatado que o documento fornecido era falso e, na realidade, tratava-se de um homem de 47 anos, morador de Novo Hamburgo, que estava foragido do sistema penitenciário. Ele foi preso e recolhido ao presídio.

O condutor de uma motocicleta Honda CG 150 Titan, de 30 anos de idade, foi preso no km 82 da BR 158, município de Boa Vista das Missões, no início da tarde de domingo (09). A motocicleta era roubada e ele estava com um revólver calibre 38. Ele ainda tentou fugir da fiscalização, mas foi acompanhado pela viatura por alguns quilômetros e abordado. O homem, que possui extensa ficha criminal, foi preso em flagrante por receptação e porte ilegal de arma.

Fonte: Polícia Rodoviária Federal Sarandi

Compartilhar

Deixe uma resposta