Polêmica no “BBB 18”: público acusa Ayrton de assédio contra a filha, Ana Clara

0

A Família Lima mal entrou no jogo e já está causando polêmica. Na primeira noite de Ayrton, Eva, Ana Clara e Jorge na casa, algumas cenas entre pai e filha chamaram a atenção do público nas redes sociais e foram interpretadas como assédio.

No Twitter, circula uma imagem na qual Ayrton tentaria beijar a filha à força. Há também outro momento em que o pai fica deitado em cima da filha e mexe o quadril. A hashtag #ForaFamiliaLima se tornou o assunto mais comentado na internet na tarde desta terça-feira.

A Globo ainda não se pronunciou sobre o assunto. Caso ocorra a expulsão do participante, essa não seria a primeira vez que algum homem sai da casa por assédio ou agressão contra a mulher.  O modelo Daniel Echaniz, de 31 anos, foi expulso da edição de 2012 por suspeita de estupro. Já no ano passado, o gaúcho Marcos, 38 anos, teve que deixar o programa após acusação de atitudes violentas contra a então namorada, Emilly, 21 anos.

Polêmicas fora da casa

Os participantes desta edição também se envolveram em polêmicas antes de serem selecionados para o jogo. Comentários feitos na internet foram recuperados assim que saiu o anúncio dos concorrentes. Ana Clara, por exemplo, está sendo acusada de gordofobia — em 2013, quando ela tinha apenas 16 anos, publicou um tuíte sugerindo que mulheres gordas não deveriam usar as mesmas roupas que as mulheres magras.

Já Ayrton fez uma postagem em 2010 que está sendo considerada abusiva. “Se o Boninho me colocasse no BBB e a Amy Winehouse fosse dar show na casa, enchia o rabo dela de caipirinha e passaria o ferro nela”, escreveu o participante.

Não foram apenas integrantes da família confinada que fizeram comentários perigosos diante do desafio de conquistar a simpatia do público. Em um comentário antigo, o paulista Caruso saiu disse que não era obrigado a ver dois homens se beijando — o comentário foi feito para defender algumas ideias do deputado Jair Bolsonaro.

Fonte e Fotos: GaúchaZH

Compartilhar

Deixe uma resposta