Mãe de bebê morto em incêndio em Pelotas é indiciada por homicídio culposo

0

 

A mãe do bebê morto em um incêndio em Pelotas, na Região Sul do Rio Grande do Sul, no início da semana, foi indiciada por homicídio culposo. A irmã gêmea da vítima ficou ferida e teve mais de 40% do corpo queimado. O outro irmão, um menino de 3 anos, não se machucou.

A delegada Márcia Chiviacowshy entendeu que houve negligência da parte da mãe, ao deixar as crianças sozinhas em casa. O fogo ocorreu na manhã de terça-feira (10) na residência. A vítima Júlia Cunha de Oliveira tinha um ano e meio.

A irmã gêmea, Aléxia, foi encaminhada ao Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre. A última informação é de que o estado dela era gravíssimo. A mãe, de 20 anos, está com a menina na capital gaúcha.

De acordo com a delegada, na hora do incêndio, o pai das crianças estava trabalhando. Quem viu o fogo e gritou por socorro foi o filho de 3 anos. O inquérito foi remetido ao Judiciário.

Fonte: G1/RS e Rádio Liberdade FM 104,9

Compartilhar

Deixe uma resposta