Deslizamento mata 3 e fere 2 em morro de Niterói, RJ

0

Duas seguem sob escombros e nove foram resgatadas com vida. Seis casas foram atingidas. Acidente ocorreu no Morro da Boa Esperança, em Piratininga.

Três pessoas morreram e duas estão sob os escombros após um deslizamento atingir imóveis no Morro da Boa Esperança, em Niterói, Região Metropolitana do Rio, na madrugada deste sábado (10).

O QUE SE SABE ATÉ O MOMENTO

6 casas habitadas foram atingidas pelo deslizamento;
Segundo os bombeiros, uma pedra rolou e atingiu os imóveis;
9 pessoas foram resgatadas. Entre elas, há um bebê;
2 pessoas estão soterradas. Elas já foram visualizadas pelos bombeiros;
2 pessoas morreram;
Os bombeiros foram chamados às 4h13.

“Choveu muito nos últimos dois dias. Niterói estava em estágio de atenção e alerta de acordo com a área e as comunidades estavam avisadas dessa situação, com recomendação para buscarem locais seguros”, disse o secretário estadual de Defesa Civill, comandante Roberto Robadey, à GloboNews.

No momento, cerca de 50 bombeiros de 6 quartéis estão no local. Segundo Robadey, o trabalho deve se estender por mais 48 horas.

As vítimas estão sendo atendidas no Hospital Estadual Azevedo Lima. Antes da chegada do resgate, moradores levaram alguns sobreviventes ao Hospital Mario Monteiro. A Estrada Francisco da Cruz Nunes, próxima ao local, foi interditada.

Há 8 anos, o Morro do Bumba

No dia 7 de abril de 2010 a cidade de Niterói também sofreu com uma tragédia que marcou todo o estado do Rio de Janeiro. Quarenta e oito pessoas morreram no deslizamento de terra que soterrou centenas de casas no Morro do Bumba, uma comunidade situada no bairro de Viçoso Jardim.

O principal motivo para a catástrofe foi a construção de casas em um terreno instável, onde no passado havia um lixão. De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Niterói, é o primeiro deslizamento desde o caso do Morro do Bumba.

“Desde 2013, a Prefeitura de Niterói investiu mais de R$ 150 milhões em obras de contenção em 50 encostas da cidade”, diz a comunicação da Prefeitura.

Fonte e Fotos. G1.com

Compartilhar

Deixe uma resposta