Com assédio europeu, Grêmio encaminha renovação com Everton

0

Tricolor quer ampliar vínculo com atacante de 22 anos, artilheiro do time na temporada.

O Grêmio encaminhou a renovação de contrato com Everton, destaque do time na temporada. As conversas para a ampliação do vínculo do atacante de 22 anos de foram iniciadas em meados de maio e ainda estão em andamento, mas o clube demonstra otimismo no acerto. Conforme o GloboEsporte.com apurou, a proposta já está nas mãos do empresário do jogador, Gilmar Veloz.

O novo contrato prevê valorização salarial e aumento da multa rescisória. Além do reconhecimento ao desempenho de Everton na temporada, a renovação serve como uma espécie de precaução do clube diante do crescente interesse europeu sobre o jogador.

Na última quarta-feira, olheiros do Manchester City, Bayer Leverkusen e Borussia Dortmund marcaram presença na Arena no empate em 1 a 1 entre Grêmio e Flamengo, pela Copa do Brasil, para observar de perto o camisa 11 e também Lucas Paquetá, do time carioca. Recentemente, a Lazio, da Itália, foi o outro clube que manifestou interesse.
Até o momento, porém, nenhuma oferta oficial chegou à mesa do presidente Romildo Bolzan. O mandatário tricolor chegou a tratar Everton como “inegociável”, em razão da importância dele no atual elenco de Renato Portaluppi. Mas depois admitiu que, caso chegue uma proposta que atenda aos interesses do Grêmio, não descarta negociá-lo ainda em 2018.

Everton em 2018

> 31 jogos
> 11 gols (artilheiro)
> 5 assistências

O atual contrato de Everton com o clube expira no final de 2020, o que garante certa tranquilidade ao Grêmio para conduzir as tratativas sem pressa. As finanças do clube também ganharam fôlego com a venda de Arthur para o Barcelona e não há a necessidade de vender jogadores por qualquer preço para fechar as contas do ano.

De reserva nos últimos anos a protagonista, Everton vive a melhor fase da carreira. É o artilheiro do Grêmio na temporada, com 11 gols, e está a um gol de igualar sua marca nos 12 meses de 2017. No primeiro semestre, foi eleito o melhor jogador do Gauchão.
Por outro lado, o atacante virou preocupação para o técnico Renato Gaúcho. Deixou a partida contra o Flamengo com dores na coxa direita e será reavaliado pelo departamento médico. Assim, corre o risco de ficar de fora da primeira decisão contra o Estudiantes, na próxima terça-feira, pelas oitavas de final da Libertadores.

Fonte e Foto:  Globo Esporte

Compartilhar

Deixe uma resposta