Carreta tomba na ERS 324, vazando 40 mil litros de metanol no Rio Burro Preto

0

Na manhã desta segunda-feira (23), uma carreta acabou tombando na ERS 324, entre Passo Fundo e Marau, na curva do Rio Burro Preto, em frente a uma antiga capela.

Segundo informações, a carreta, que estava carregada com metanol, de placas QJE-9892, Chapecó, seguia no sentido Passo Fundo/Marau, quando em uma curva acabou saindo da pista, tombou, furou o tanque e vazou cerca de 43 mil litros do produto tóxico no Rio Burro Preto, que ficou com uma coloração cinza.

O motorista foi socorrido pelos Bombeiros até o Hospital de Marau e passa bem. O Batalhão Ambiental da Brigada Militar atende a ocorrência no local, que está totalmente isolado. Profissionais que trabalharam no resgate do motorista afirmam que o produto lhes causou dor de cabeça e náuseas.

Como o metanol é altamente inflamável, pode causar explosão ou intoxicação, então não há previsão de desbloqueio da pista.

Atualização

A Fundação Estadual de Proteção Ambiental (FEPAM), de Porto Alegre, está despachando uma equipe para o local do acidente. Uma técnica ambiental, credenciada de Passo Fundo, também está em deslocamento para fazer a avaliação se é possível liberar o trânsito.

Por volta das 10h30, o Corpo de Bombeiros pediu uma carga de areia para colocar em valetas ao redor dos pontos onde o produto vazou. Como há muito metanol empossado, há o risco de qualquer faísca causar uma explosão.

Diante disso, os profissionais estão trabalhando, primeiramente, no isolamento do metanol e a pista não será liberada até a chegada da FEPAM, o que deve ocorrer apenas no início da tarde.

Rádio Uirapuru

Compartilhar

Deixe uma resposta